quinta-feira, 29 de abril de 2010

Anvisa libera cafeína e creatina para atletas

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou nesta terça-feira novas regras para alimentação de atletas, liberando a comercialização de creatina e de cafeína para uso de atletas.

Até então estas substâncias eram usadas apenas como medicamentos, sendo necessária uma receita para comprá-las. Ou a venda era feita irregularmente.

A Anvisa alerta que estes suplementos só devem ser consumidos por atletas profissionais de alto rendimento.

Praticantes de atividade física não necessitam utilizá-los, informa o órgão, já que uma alimentação saudável e balanceada é suficiente para suprir todas as necessidades de quem faz esportes de forma amadora, garantindo um bom desempenho.

A cafeína ajuda a retardar a sensação de fadiga muscular, podendo ser útil para aumentar a resistência em exercícios de longa duração.

Já a creatina é um aminoácido presente nas carnes, aves e peixes, que pode melhorar o desempenho muscular em provas de alta intensidade e curta duração, facilitando a rápida recuperação dos músculos.

A recomendação da Anvisa é que estes suplementos somente devem ser usados com indicação de médico ou de nutricionista, na medida em que quanto a cafeína quanto a creatina podem provocar problemas à saúde quando usados de maneira inadequada.

Especula-se que a creatina possa provocar problemas renais, problemas no fígado e cãibras, além do efeito já comprovado: retenção hídrica. Já a cafeína pode causar arritmia cardíaca, taquicardia, ansiedade e insônia.

Na dúvida, procure ajuda de um profissional capacitado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário