quarta-feira, 14 de julho de 2010

Agrotóxicos

No final do mês passado, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou um relatório que aponta alta presença de agrotóxicos em alimentos como frutas, verduras, legumes e grãos.

De acordo com o relatório, 29% das amostras analisadas apresentaram algum tipo de irregularidade, como resíduos de agrotóxicos acima do permitido e ingredientes ativos não autorizados.

Os alimentos com maiores irregularidades foram:
- Pimentão, com 80% das amostras insatisfatórias;
- Uva, com 56,4% das amostras insatisfatórias;
- Pepino, com 54,8% das amostras insatisfatórias;
- Morango, com 50,8% das amostras insatisfatórias.

Abaixo estão cinco dicas simples para diminuir a ingestão de agrotóxicos:

1- Escolha frutas e verduras da estação
Os alimentos que não são da época recebem mais agrotóxicos para durar um tempo maior. 

2- Dê preferência aos produtos nacionais
As frutas e verduras produzidas próximas da região de consumo recebem menos agrotóxicos.

3- Desconfie dos perfeitos
Quanto menos imperfeições, maior a probabilidade de um alimento ter recebido mais agrotóxicos.

4- Alterne a dieta
Comer sempre o mesmo alimento aumenta o risco de comer sempre o mesmo veneno. Assim, diversificando-os, reduzimos a chance de exposição ao mesmo agrotóxico.

5- Higienizar os alimentos corretamente 
Lavá-los com água corrente e detergente ou deixá-los de molho em água com vinagre, em solução com água sanitária ou em solução com bicarbonato de sódio são medidas que ajudam a diminuir a concentração de agrotóxicos.

Ainda, segundo a Anvisa: "Para reduzir o consumo de agrotóxico em alimentos, o consumidor deve optar por produtos com origem identificada. Essa identificação aumenta o comprometimento dos produtores em relação à qualidade dos alimentos, com adoção de boas práticas agrícolas".

Nenhum comentário:

Postar um comentário